Em busca de financiamento para o seu negócio? Sabia que o Pronampe é um programa do governo federal criado especialmente para ajudar micro e pequenas empresas em tempo de crise? 

A partir de agora, você vai entender mais detalhes sobre esse programa, saber quem pode participar e como acessar o financiamento. Acompanhe a leitura e veja todos os detalhes!

 

O que é Pronampe?

Pronampe é a sigla para Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte. Ele foi instituído pelo governo federal em maio de 2020 por meio da Lei 13.999.

Inicialmente, a ideia do Pronampe era conter os reflexos da crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus. Em junho de 2021, no entanto, ele se tornou um programa permanente de crédito por meio da Lei 14.161.

 

Quem pode participar do Pronampe?

As empresas que podem solicitar financiamento pelo programa são as seguintes:

  • microempresas (ME), com faturamento anual de até R$ 360 mil;
  • empresas de pequeno porte (EPP), com faturamento entre R$ 360 mil e R$ 4,8 milhões por ano;

empresas dessas categorias que não foram condenadas por condições de trabalho análogas à escravidão ou trabalho infantil.

 

Como funciona o programa?

O Pronampe oferece uma linha de crédito para financiar as atividades de micro e pequenas empresas afetadas pela crise. O objetivo é ajudar no pagamento de despesas, investimentos e evitar demissões de trabalhadores.

Os recursos devem ser usados para financiar investimentos e capital de giro. No entanto, não podem ser utilizados para distribuição de lucros e dividendos entre os sócios.

O empréstimo oferecido pelo programa tem prazo de 36 meses, com taxa de juros anual máxima aplicada da seguinte maneira:

  • Selic + 1,25% sobre o valor do financiamento nas operações feitas até 31 de dezembro de 2020;
  • Selic + 6% (no máximo) sobre o valor do crédito para operações feitas a partir de 1º de janeiro de 2021.

 

Quais são os valores de empréstimo pelo Pronampe?

Os valores a serem liberados por meio do programa possuem um limite de:

  • até 30% do faturamento registrado no ano anterior à contratação;
  • limite máximo de R$ 108 mil para microempresas;
  • teto de R$ 1,4 milhão para as pequenas empresas.

Caso a empresa tenha menos de um ano de atividade, existem duas possibilidades para calcular o valor do crédito:

  • quantia máxima de 50% do capital social da empresa;
  • até 30% de 12 vezes a média de sua receita mensal apurada desde o início das atividades.

 

Onde contratar crédito pelo Pronampe?

Existem diversas instituições autorizadas pelo governo a oferecer crédito por meio do programa. Elas são:

  • Bancos públicos (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Banco do Nordeste);
  • Bancos estaduais;
  • Bancos privados;
  • Agências de fomento estaduais; 
  • Cooperativas de crédito e bancos cooperados;
  • Instituições integrantes do Sistema de Pagamento Brasileiro; 
  • Fintechs;
  • Organizações da sociedade civil de interesse público de crédito.

Cada instituição tem liberdade para definir o público de seu interesse e a quantia de crédito a ser liberada. Por isso, vale a pena consultar e comparar as condições para encontrar as melhores vantagens antes de fechar negócio.

Mas sabia que existe uma alternativa além do Pronampe para financiar o seu negócio? Confira a seguir.

 

Crédito com garantia de investimentos: uma alternativa para financiar a sua empresa

O crédito com garantia de investimento é uma modalidade de empréstimo com juros mais baixos.

Nela, investimentos como CDB, LCI, LCA, ações, debêntures e outros ativos financeiros podem ser dados como garantia de pagamento.

Dessa forma, você não precisa resgatar seus investimentos de longo prazo para cobrir uma emergência ou aproveitar uma oportunidade. Basta apenas contratar o serviço e ter a quantia disponível em poucos dias.

Uma das maiores vantagens desse tipo de operação é a taxa de juros mais baixa: ela pode ser até 21 vezes mais barata que as modalidades de crédito mais tradicionais, como você vê a seguir.

Antes restrita a um segmento premium de clientes, essa modalidade vem ganhando mais forçusa jtamente por causa da burocracia menor e das condições mais vantajosas.

A Nobli, primeira fintech a oferecer esse serviço de forma independente no Brasil, tem hoje a taxa de juros mais baixa desse mercado: a partir de 0,99% ao mês.

Agora que você sabe mais sobre o Pronampe, já pode considerar essa e outras opções para seguir tocando os seus negócios. E, caso seja do seu interesse, também pode fazer uma simulação gratuita na Nobli e descubrir em poucos instantes qual valor pode ser liberado para você. Que tal experimentar agora?