Em menos de dez anos, as ações do Magazine Luiza passaram de patinho feio à nova promessa da bolsa de valores brasileira. Hoje já se fala até em descobrir qual empresa seria a nova Magalu.

Mas qual será o motivo de uma guinada tão intensa nos rumos da varejista? Será que o movimento de alta das ações acabou ou ainda existe espaço para valorização?

A partir de agora, você verá essas e outras respostas neste conteúdo que preparamos sobre a empresa. Aqui, você vai entender se ainda vale a pena investir nas ações do Magazine Luiza. Vamos começar?

Quem é Magazine Luiza?

O Magazine Luiza é atualmente uma das maiores redes de varejo do Brasil. A companhia foi fundada em 1957 e tem ações negociadas na bolsa brasileira desde 2011.

Também chamada de Magalu, o código de negociação (ticker) da empresa na B3 é MGLU3. Por meio desse código, é possível acompanhar a cotação do papel em tempo real em sites especializados ou no Google Finance.

Fonte: Magazine Luiza – Relações com Investidores

5 fatos sobre o Magazine Luiza

1 – A ação do Magalu já custou R$ 0,10 na bolsa

As ações da companhia já chegaram a ser negociadas a R$ 0,10 em 2016 e faziam parte de uma categoria conhecida como penny stocks: papéis negociados abaixo de R$ 1.

Segundo as normas da B3, a bolsa brasileira, papéis não podem ser negociados abaixo desse valor por mais de 30 pregões consecutivos.

Caso contrário, as empresas precisam apresentar um plano de ação: ou fecham capital, ou fazem o chamado grupamento ou inplit (juntar ações para elevar o preço, mantendo a quantidade proporcional de papéis pertencentes a cada acionista).

Os acionistas da companhia já haviam aprovado um grupamento em 2015, na proporção de 8 para 1. Mesmo assim, as ações continuaram a amargar perdas.

2 – O mesmo papel já foi negociado acima de R$ 500

Após quase ser excluída da bolsa, a Magalu fez uma reestruturação de seus negócios: emplacou uma guinada para o comércio online e passou a investir pesado no modelo marketplace, até então inédito no Brasil. 

As ações responderam ao movimento e explodiram, chegando a custar R$ 564 em setembro de 2017.

Depois desse movimento, as ações do Magazine Luiza já foram desdobradas diversas vezes e seguiram batendo recordes de alta, com o marco de R$ 200 em maio de 2019.

3 – É dona da Kabum, da Netshoes e da Época Cosméticos

Desde a sua virada digital, a empresa vem investindo pesado no crescimento por meio de aquisições. Os negócios miram categorias variadas, como artigos esportivos, beleza, mídia e até o mercado de games.

4 – Já foi apontada como empresa que mais gerou retorno para os acionistas no mundo

Um estudo global do Boston Consulting Group (BCG) colocou o Magalu no topo do ranking de empresas que mais geraram retorno para seus acionistas entre 2016 e 2020. Nesse período, os ganhos com dividendos e a própria valorização das ações ultrapassou os 200%.

5 – Você pode usar as ações do Magazine Luiza para conseguir um empréstimo

Sabia que os papéis do Magalu podem ser usados como garantia em uma operação de crédito?

No Crédito com Garantia de Investimentos (CGI), é possível utilizar as ações da companhia e de outras empresas para conseguir recursos extras para os seus projetos.

Essa é uma modalidade ainda pouco conhecida no Brasil, mas que pode ajudar bastante em seus planos, já que você não precisa abrir mão do seu patrimônio e nem dos seus investimentos para conseguir dinheiro.

Na Nobli, a primeira fintech independente a oferecer esse tipo de serviço no Brasil, você pode usar as ações do Magazine Luiza como garantia para empréstimos com a menor taxa de juros do mercado: a partir de 0,79% ao mês.

Faça uma simulação gratuita no site da Nobli agora mesmo e veja como funciona!

Conclusão: vale a pena investir em Magalu?

As ações do Magazine Luiza podem ser interessantes para quem mira o longo prazo, uma vez que a companhia vem apresentando forte crescimento e tem uma estratégia que visa dominar o mercado brasileiro.

No entanto, antes de fazer qualquer investimento, você precisa entender se ele é condizente com o seu perfil de risco e se está de acordo com seus objetivos, especialmente quanto ao prazo de realização.

Dessa firma, você ficará mais confortável com suas escolhas, ainda que haja turbulências no mercado financeiro.

Como você viu, o Magazine Luiza é uma companhia gigante e que pode ser interessante para o seu portfólio de investimentos, dependendo dos seus objetivos. Agora que você entende esses pontos, que tal se aprofundar em como investir de forma mais inteligente? Baixe grátis o ebook Como Montar a Carteira de Investimentos Ideal e saiba mais!